Benfica

NAÇÃO BENFIQUISTA AO LADO DE ERIKSSON

"TERÁ SEMPRE AQUI A SUA CASA E NÃO ESTÁ ESQUECIDO"

O Presidente Rui Costa, em entrevista à BTV, explicou aos Benfiquistas todas as movimentações de mercado do Clube na última janela de transferências de janeiro.

Antes de detalhar, em pormenor, as movimentações do Benfica no mercado de inverno – entre contratações, vendas e rescisões –, o Presidente traçou um balanço positivo das operações realizadas durante o mês de janeiro.

 

“Quando partimos para uma janela de mercado, a intenção passa sempre por melhorar o plantel, ajustar o que entendemos que pode ser ajustado e, no final desta janela, acreditamos que fizemos um bom trabalho e que preenchemos a equipa com novos jogadores que podem acrescentar muito. Estamos satisfeitos com o desenrolar do processo, com a expetativa e a esperança que possa ser proveitoso no final da época”, disse Rui Costa, no início da entrevista ao canal do Clube.

 

Balanço de valores

 

Destacando o equilíbrio entre receitas e despesas (ver quadro), o Presidente do Benfica reforçou que as alterações promovidas no plantel permitem olhar para o futuro de forma positiva, ressaltando a presença de 14 jogadores abaixo dos 24 anos no grupo às ordens de Roger Schmidt.

 

“Oiço por aí que estamos a fazer all-ins, mas nunca teremos essa necessidade. Temos sempre as coisas bem estudadas e sabemos o que podemos ou não fazer, olhando para a parte desportiva sem desequilibrar a financeira. Foi isso que fizemos, e tivemos um mercado equilibrado que nos dá possibilidade de olhar para o futuro de forma positiva”, frisou, salientando que esta tem sido a imagem de marca do seu ano e meio de mandato: “Comprometi-me com os Benfiquistas a criar melhores plantéis, que possam ser vitoriosos. A política passa por ter menos jogadores e mais qualidade. É um trabalho contínuo e não estou 100% satisfeito, mas, atualmente, temos um plantel com um bom misto de juventude e experiência e estamos mais fortes do que estávamos.”

 

Referindo-se à juventude dos reforços contratados em janeiro, Rui Costa assinalou que as suas adaptações possam ser facilitadas pelos mais experientes do plantel, pedindo, ainda assim, alguma paciência, apontando o exemplo de Arthur Cabral.

 

“Jogar no Benfica nunca é fácil para ninguém. Não temos dúvida absolutamente nenhuma do talento que trouxemos para dentro de casa, mas, quando se fala de jogadores desta idade, há que ter alguma paciência e dar tempo para que eles se possam adaptar à nova realidade. Temos o caso do Arthur Cabral, que, neste momento, parece que está a encaminhar-se para o que todos nós esperávamos dele. Fez golos toda a vida e tínhamos a convicção que os ia marcar aqui, também”, referiu.

 

A QUESTÃO DO LATERAL-DIREITO E AURSNES (VER VÍDEO)

 

O Presidente do Benfica também refutou que as chegadas de Prestianni, Marcos Leonardo, Álvaro Carreras e Rollheiser representem um travão na aposta no talento criado no Benfica Campus.

 

“Há uma política bem vincada daquilo que é o aproveitamento da formação, pelo excelente trabalho que se continua a fazer no Benfica Campus. Os casos do António [Silva] e do João [Neves] são paradigmáticos disso. Também temos um treinador que não tem medo de apostar na juventude, o que nos facilita o trabalho. Não há nenhuma equipa nacional, e duvido que exista alguma na Europa, que tenha tantos jogadores da formação utilizados constantemente”, vincou.

 

Os casos de Rafa e de Di María, cujos contratos cessam no final da presente temporada, também foram abordados pelo Presidente, que recuou até ao verão passado para contextualizar o comportamento exemplar que os dois jogadores têm tido.

 

“Quer um, quer o outro, para poderem estar hoje no Benfica, abdicaram de muitos milhões de euros em duas situações diferentes. Só pelo facto de terem ficado nestas condições, merecem o nosso respeito e o nosso aplauso pelo compromisso que têm mostrado. São muito influentes dentro do campo, e posso garantir que também o são no balneário. Devemos estar gratos aos dois, e vamos ver o que vai dar no final da época”, constatou.

Saídas do plantel

Jogador Novo clube Explicação

do Presidente Valor de venda João Victor

Vasco da Gama “João Victor foi contratado no início da época passada, numa altura em que tínhamos como centrais Otamendi, Vertonghen e Morato e era necessário um outro central para completar os quatro que pretendíamos. Entendemos que era a solução indicada, numa fase em que não tinha nascido ainda António Silva, a grande surpresa do ano passado. Por consequência, João Victor, que chegou lesionado, acabou por perder o espaço inicial aberto. Foi emprestado em janeiro passado, voltou neste ano e, face ao facto de ter poucos minutos e de ter aparecido uma boa proposta para ele e para o Clube, entendemos que era a melhor solução para ambas as partes. Voltou ao Brasil, recuperámos praticamente todo o investimento feito no jogador e usufruímos do facto de o António Silva hoje ser um ponto firme na equipa.” 6 M€+ 2 M€ em bónus

Jurásek Hoffenheim “Jurásek foi contratado neste ano com grande expetativa nossa, até pelos números envolvidos na sua contratação. Não me custa admitir que não teve o impacto imediato que se esperava, sabendo que era uma posição de alto risco, atendendo ao facto de termos perdido Grimaldo, com os anos de casa que tinha e cujo último ano tinha sido extraordinário. Não era nada fácil a sua substituição. Achámos que Jurásek estava pronto para esta posição. Infelizmente para nós e para o jogador, não teve o impacto imediato que se esperava. Entendemos nesta fase que seria melhor não desvalorizá-lo, saindo emprestado, com a esperança que se reencontre e possa vir a ser um elemento do Benfica. Para termos Jurásek tivemos de ‘combater’ com muitos clubes interessados, e nesta fase esses mesmos clubes mostraram grande interesse em tê-lo.” 0,250 M€ empréstimo)

Chiquinho Olympiacos “Chiquinho foi extraordinariamente importante no plantel, principalmente na época passada, a partir de janeiro, quando saiu Enzo Fernández. Terminava contrato neste ano, e, também com o aparecimento de João Neves e com a contratação de Kökcü, não estava a ter os minutos desejados. A cinco meses de terminar contrato, esta solução foi melhor do que se saísse daqui a cinco meses livre. Entendemos que era a solução ideal para ambas as partes.” 0,5 M€(saída antecipada)

Guedes Villarreal “As lesões condicionaram Gonçalo Guedes no início da época. Estava com poucos minutos, era jogador do Wolverhampton, teve oportunidade de ir para Espanha com um treinador que tinha tido no Valência, e foi uma vontade muito grande do jogador à qual acedemos, dentro da política desportiva e económica do Clube. Não merecia que impedíssemos a continuidade do seu percurso. Será sempre um de nós, é um jogador formado na casa, sempre mostrou grande empenho pela causa.” 0 M€(fim de empréstimo)Musa

Dallas FC “Com a recuperação de Arthur Cabral, a vinda de Marcos Leonardo e a aposta em Casper Tengstedt, fazia pouco sentido continuar com quatro avançados, num modelo em que só joga um. Aparecendo uma proposta, considerámos oportuno fazer essa mudança, sabendo que Musa deu-nos muito, no ano passado e neste ano. Dentro da política financeira do Clube, a proposta, que pode chegar aos 12 M€, era vantajosa. Todas as partes acharam que era uma solução oportuna.” 9 M€+ 3M€ em bónus

Saídas definitivas

Saídas definitivas Jogador Explicação do Presidente Valor da venda

Lucas Veríssimo

Al-Duhail “O Lucas foi uma pena, pelo jogador e pelo homem extraordinário. Titularíssimo no Benfica e na seleção brasileira, teve uma grave lesão num joelho, que o fez perder cerca de um ano de competição. Apareceram António [Silva], Morato, e, evidentemente, perdeu o espaço que tinha. Teve um comportamento exemplar, mesmo não jogando. Foi um dos grandes pilares no balneário, e foi emprestado neste ano, uma vez que havia pouco espaço no onze para um jogador desta dimensão. No mercado de inverno havia uma solução que era o Corinthians, onde estava emprestado, e a que aconteceu, que foi a ida para o Catar por uma verba boa.” 8 M€+1 M€em bónus

Gabriel Fluminense “Não fez parte do plantel no ano passado, nem no início deste ano. Não iria fazer agora, e vinha de dois empréstimos, a um ano e meio de acabar contrato. Procurámos todas as soluções possíveis para rentabilizar o ativo. Não sendo possível encontrá-las, acabámos por rescindir com Gabriel, dentro da política desportiva e financeira que queremos. A preocupação financeira foi não ter mais encargos.” Rescisão amigável”

 

Entradas

Entradas no plantel

Jogador Explicação do Presidente Custo

Prestianni “No mercado de verão estava praticamente feito, mas, pela sua idade, não poderia vir nessa altura. Tivemos de esperar por 31 de janeiro para assinar contrato quando fez os 18 anos. Prestianni era um alvo identificado há bastante tempo.” 9 M€+ 2 M€em bónus

Marcos Leonardo “Admitindo facilmente a carência de golos que estávamos a ter nos nossos avançados, entendemos que deveríamos ir ao mercado buscar mais um avançado. Entendo que muita gente possa pensar que, nestas alturas de mercado, os reforços devam ter já uma certa experiência, dinamismo e serem afirmações claras no imediato, mas nenhum clube vende um avançado que esteja a fazer 20 ou 25 golos e que possa chegar ao Benfica nesses termos. O que fizemos foi encontrar um jovem avançado, que se estivesse a distinguir, que pudesse chegar e acrescentar no imediato, olhando já ao futuro. O Marcos Leonardo só foi possível contratar neste defeso porque o Santos, com o devido respeito, desceu de divisão, caso contrário teríamos muita dificuldade em trazê-lo para o nosso mercado. Aproveitámos a oportunidade, as boas relações com o Santos e a credibilidade junto de todos os clubes. São aquisições que não custam dinheiro vivo, são pagas a partir da próxima época. Em termos financeiros, isso foi muito vantajoso. Com 20 anos, já tinha perto de 50 golos na primeira equipa do Santos. Dá-nos garantias para o presente e o futuro.” 18 M€

Álvaro Carreras “Para precaver a situação do defesa-esquerdo, além de Jurásek, também trouxemos Bernat, um jogador consagrado, mas infelizmente, quase não esteve ao serviço do Benfica pelas lesões que tem tido, e tem sofrido bastante por estar ausente. Tivemos dois titulares, que considerámos absolutos, Bernat e Bah, lesionados parte da época, o que nos causou transtornos, pelas lesões. Neste momento, era necessário reforçar a lateral esquerda. Álvaro Carreras entronca na política desportiva usada neste mercado. É um jovem de 20 anos, mas já com bom andamento nas pernas, titularíssimo nos Sub-21 de Espanha, com escola de Real Madrid e passagem pelo Manchester United. É um jogador com muita qualidade técnica e acreditamos muito no seu potencial.” 0 M€empréstimo

Rollheiser “Já estava praticamente feito para o início da próxima época, mas, com a movimentação de Gonçalo Guedes, e com possibilidade de trazer Rollheiser nas mesmas condições de Marcos Leonardo, acabámos por antecipar 5 meses a sua vinda, não só porque acreditamos que possa ser um elemento importante nesta época, mas, acima de tudo, antecipando o que possa ser a adaptação ao Clube e a uma realidade diferente.” 1 M€empréstimo

NAÇÃO BENFIQUISTA AO LADO DE ERIKSSON (VER VÍDEO)

 

“TERÁ SEMPRE AQUI A SUA CASA E NÃO ESTÁ ESQUECIDO”

 

No final da entrevista sobre as operações de mercado no mês de janeiro, Rui Costa revelou aos Benfiquistas que o Clube tem feito todos os esforços para realizar uma homenagem a Sven-Göran Eriksson, treinador marcante do futebol profissional das águias que enfrenta uma batalha contra o cancro.

 

  1. “Esse grande senhor terá sempre aqui a sua casa e não está esquecido. Em setembro do ano passado estava organizada uma homenagem no jogo contra o FC Porto [29 de setembro], mas, quando estava tudo marcado, os médicos desaconselharam a viagem. Só não veio a Lisboa porque não pôde. Toda a nação Benfiquista está com ele nessa luta, esperando que ele consiga ganhar mais este campeonato”, afirmou o Presidente, que, enquanto jogador, estreou-se na equipa principal [época 1991/92] pela mão do treinador sueco.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Usamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer recursos de mídia social e analisar nosso tráfego. Também compartilhamos informações sobre o uso do nosso site com nossos parceiros de mídia social, publicidade e análise. View more
Cookies settings
Aceitar
Privacy & Cookie policy
Privacy & Cookies policy
Cookie name Active
A sua privacidade é importante para nós. É política do RedBela respeitar a sua privacidade em relação a qualquer informação sua que possamos coletar no site RedBela, e outros sites que possuímos e operamos. Solicitamos informações pessoais apenas quando realmente precisamos delas para lhe fornecer um serviço. Fazemo-lo por meios justos e legais, com o seu conhecimento e consentimento. Também informamos por que estamos coletando e como será usado. Apenas retemos as informações coletadas pelo tempo necessário para fornecer o serviço solicitado. Quando armazenamos dados, protegemos dentro de meios comercialmente aceitáveis ​​para evitar perdas e roubos, bem como acesso, divulgação, cópia, uso ou modificação não autorizados. Não compartilhamos informações de identificação pessoal publicamente ou com terceiros, exceto quando exigido por lei. O nosso site pode ter links para sites externos que não são operados por nós. Esteja ciente de que não temos controle sobre o conteúdo e práticas desses sites e não podemos aceitar responsabilidade por suas respectivas políticas de privacidade. Você é livre para recusar a nossa solicitação de informações pessoais, entendendo que talvez não possamos fornecer alguns dos serviços desejados. O uso continuado de nosso site será considerado como aceitação de nossas práticas em torno de privacidade e informações pessoais. Se você tiver alguma dúvida sobre como lidamos com dados do usuário e informações pessoais, entre em contacto connosco.  
  • O serviço Google AdSense que usamos para veicular publicidade usa um cookie DoubleClick para veicular anúncios mais relevantes em toda a Web e limitar o número de vezes que um determinado anúncio é exibido para você.
  • Para mais informações sobre o Google AdSense, consulte as FAQs oficiais sobre privacidade do Google AdSense.
  • Utilizamos anúncios para compensar os custos de funcionamento deste site e fornecer financiamento para futuros desenvolvimentos. Os cookies de publicidade comportamental usados ​​por este site foram projetados para garantir que você forneça os anúncios mais relevantes sempre que possível, rastreando anonimamente seus interesses e apresentando coisas semelhantes que possam ser do seu interesse.
  • Vários parceiros anunciam em nosso nome e os cookies de rastreamento de afiliados simplesmente nos permitem ver se nossos clientes acessaram o site através de um dos sites de nossos parceiros, para que possamos creditá-los adequadamente e, quando aplicável, permitir que nossos parceiros afiliados ofereçam qualquer promoção que pode fornecê-lo para fazer uma compra.

Compromisso do Usuário

O usuário se compromete a fazer uso adequado dos conteúdos e da informação que o RedBela oferece no site e com caráter enunciativo, mas não limitativo:
  • A) Não se envolver em atividades que sejam ilegais ou contrárias à boa fé a à ordem pública;
  • B) Não difundir propaganda ou conteúdo de natureza racista, xenofóbica, Bet Nacional ou azar, qualquer tipo de pornografia ilegal, de apologia ao terrorismo ou contra os direitos humanos;
  • C) Não causar danos aos sistemas físicos (hardwares) e lógicos (softwares) do RedBela, de seus fornecedores ou terceiros, para introduzir ou disseminar vírus informáticos ou quaisquer outros sistemas de hardware ou software que sejam capazes de causar danos anteriormente mencionados.

Mais informações

Esperemos que esteja esclarecido e, como mencionado anteriormente, se houver algo que você não tem certeza se precisa ou não, geralmente é mais seguro deixar os cookies ativados, caso interaja com um dos recursos que você usa em nosso site. Esta política é efetiva a partir de 16 January 2024 12:19
Save settings
Cookies settings